Obras corporativas

Atualizado: 18 de fev.


Obras corporativas
Obras corporativas

Realizar obras corporativas pode ser uma dor de cabeça e tanto para quem não conhece do assunto.

O processo para realizar uma obra corporativa bem sucedida precisa ser feito à risca.

Dessa forma, toda a obra será realizada da melhor forma possível e não vai prejudicar a empresa no futuro.

A principal parte do processo de uma obra corporativa é o projeto. Precisa ser bem estruturado para não deixar nada faltando.

No país, muitas obras acabam falhando ou saindo com um valor acima do esperado pela falta de conhecimento.

Por conta disso, é preciso que o profissional da área de obras corporativas conheça muito bem sobre o negócio. Dessa forma, muitas dores de cabeça serão evitadas e tudo sairá de forma perfeita.

Pontos que precisam ser levados em consideração antes do início das obras corporativas

Preço dos materiais: na hora de realizar um orçamento, é importante que se tenha no papel tudo o que será necessário na obra. Pisos, tijolos, cimento, argamassa, e tudo mais que faz parte de uma construção.

Os materiais precisam estar todos listados. Sendo assim, na hora de elaborar um orçamento final tudo estará incluso.

Isso por sua vez não vai acarretar gastos futuros extras, como com materiais que faltaram por exemplo.

Além disso, uma dica importante é escolher os materiais.

Economizar nessa parte pode até ser atrativo, porém pode acarretar prejuízos no futuro.

Por conta disso, para sua obra corporativa ser bem sucedida, escolha bem os materiais.


Planejamento dos custos

Nos dias atuais, os computadores são equipados com programas que fazem praticamente tudo.

Programas que editam vídeos, áudios e até textos. E claro, existem programas que são usados para manter as finanças em dia.

No momento de elaborar o projeto de uma obra corporativa, é importante ter em mente os valores que poderão ser gastos. Dessa forma, a empresa não ficará no sufoco e conseguirá cumprir com todas as questões da obra.

Realizar um orçamento bem feito, utilizando aplicativos e programas de planilhas, é uma ótima forma de gerenciamento.



Rotina da obra

Obras corporativas
Obras corporativas

É preciso estabelecer datas para a obra. Isso vai ajudar a planejar melhor tudo sobre a obra, e evitar preocupações.

As datas devem pontuar cada fase da construção, e como tudo deverá ser feito.

Isso vai auxiliar nos processos, e até a controlar o fluxo de caixa.

Além disso, todos os processos que fazem parte da obra devem ser incluídos.

Ademais, é preciso incluir quais serão os trabalhadores necessários para a realização, e quais os materiais precisarão ser comprados para realizar.

Isso será de grande ajuda para evitar atrasos na entrega, além de evitar gastos desnecessários com a obra.

Além disso, é preciso atenção aos processos mais difíceis e mais complexos. Esses em geral levam mais tempo para serem concluídos, e precisam ser eliminados primeiro, para não atrasar o restante da obra.

Os profissionais envolvidos na obra precisam seguir essa rotina pré estabelecida. Dessa forma, poderão adequar o serviço para seguir e realizar todos os serviços da melhor forma possível.



Escolha de bons profissionais e de um escritório de arquitetura e engenharia


Outro passo importante na hora de iniciar uma obra corporativa tem a ver com quem vai realizar a obra.

Contratar uma empresa do ramo de arquitetura, engenharia ou empreiteiras com profissionais qualificados é a melhor maneira de evitar dores de cabeça.

Arquitetos, engenheiros, mestres de obra e os pedreiros são os principais envolvidos nas obras corporativas.

Todos devem trabalhar de comum acordo, além de possuírem os conhecimentos necessários para cumprir todas as metas da obra.

Essas metas são estabelecidas no processo de definição da rotina da obra. Os passos são simples para realizar essas metas, todavia algumas coisas podem atrapalhar, e é responsabilidade da empreiteira notificar a empresa contratante sobre isso.

Chuvas, materiais estragados e uma série de fatores não humanos podem afetar negativamente o processo.

Isso vai ser necessário para prevenir gastos desnecessários.

Esses gastos desnecessários prejudicam o caixa da empresa, e precisam ao máximo ser evitados.


Processos burocráticos

Uma obra, seja ela corporativa ou não, possui alguns processos burocráticos que precisam de atenção.

É preciso cumprir com estas exigências com antecipação, elas podem prejudicar e muito a obra. Elas são essenciais para regularizar o início da obra, e manter tudo de acordo com a lei, e claro, com todas as normas.

São taxas, especificações e documentos que precisam estar 100% de acordo com as normas para a obra ter um início.

Além da documentação, existem normas de segurança que precisam ser seguidas à risca.

Todavia, além disso o terreno ou prédio da obra precisa ser cerceado, e caso a obra corporativa seja em um prédio, precisa de telas de proteção. Essas telas servirão para evitar que os materiais caiam, e venham a destruir propriedade de terceiro.

É preciso registrar e matricular o imóvel que está sendo construído Além disso, é preciso que o corpo de bombeiros faça uma prévia vistoria e uma pós vistoria, e caso não ocorra a aprovação, será preciso refazer a obra.


Mudanças

Por mais que uma obra bem projetada, não precise de adiamentos, isso pode se fazer necessário. Ao olhar um projeto, o empreendedor pode gostar. Todavia, após a finalização da obra, podem ocorrer mudanças para se adequar às necessidades da empresa.

Por conta disso, outro fator que precisa ser levado em consideração são os fatores imprevisíveis de uma obra.

Erros de cálculo, erros de execução ou como mencionado acima, apenas questões de gosto podem afetar negativamente os prazos. Mas calma, isso não significa que a empreiteira responsável não saiba o que está fazendo.

Adiar prazos é muito comum em obras corporativas, e precisa entrar no cronograma para não assustar no final da obra.

Além disso, esse adiamento pode causar alguns gastos extras e tudo isso precisa ser levado em consideração.

Tudo isso vai contribuir positivamente para um projeto final adequado e bem produzido.




Obras empresariais: elaboração do projeto

Obras corporativas
Obras corporativas

O primeiro e mais importante passo de uma obra, qualquer que seja, é elaborar uma planta.

Essa elaboração deve ser feita por um profissional da área.

Em comum acordo com as decisões da empresa, e seguindo tudo que se encontra nas normas que regulamentam o setor, será possível criar um projeto perfeito.

Neste projeto, precisam ser incluídas todas as questões principais da obra e claro, questões sobre a dinâmica do local.

É preciso se atentar às exigências técnicas como por exemplo rampas e banheiros acessíveis.

Equipamentos de acessibilidades são necessários não só para os clientes, mas a empresa pode ter funcionários deficientes que irão precisar desses recursos.

Por conta disso, é preciso listar o que falta previamente e caso a obra seja inicial, colocar o que a lei exige. O arquiteto ou engenheiro responsável pela obra saberá sobre as normas e tudo mais. Dessa forma, será mais fácil estabelecer as necessidades do imóvel.

Além disso, é preciso compreender o que é preciso no local. Qual o nicho da sua empresa?

Essa pergunta será primordial para descobrir como melhorar o espaço, tornando ele mais dinâmico.

Onde ficarão as mesas, onde ficarão os banheiros e até mesmo onde ficarão as janelas irá influenciar e muito no pós obra.

A ventilação e a iluminação natural são fatores que influenciam muito na produtividade de uma empresa.

Lembre disso na hora de elaborar o plano de suas obras corporativas.


Base da obra

Vamos supor que não estamos falando de uma reforma e sim de uma obra iniciada do zero.

Para manter as paredes em pé, é preciso que a empreiteira realize a adequação do solo.

Esse solo precisa ser reto, e firme. Pois nele será instalada a base que dará sustentação a obra.

Esse passo é muito importante pois define se a obra será bem feita ou não.

Bases de sustentação mal feitas geram fendas e podem até mesmo ocasionar deslizamentos ou quedas da obra no futuro.

Para locais com mais andares, além de uma base firme e resistente, as colunas que sustentam as paredes precisam ser reforçadas.

Isso vai garantir segurança à obra, e evitar prejuízos futuros.

Assim como os fatores acima, planejar bem como será feito a base do local é importante. Ela será o primeiro passo da obra, e todos os outros dependem do sucesso dessa parte para dar certo.

Por isso é tão importante contar com engenheiros, mestre de obras e pedreiros experientes. A obra nas mãos de pessoas sem experiência tende ao fracasso.

Trabalhadores experientes tendem a ser mais caros, porém a obra costuma acabar mais rápido e além disso, tudo saí de acordo com o esperado.


Porque realizar obras corporativas

Obras corporativas
Obras corporativas

Uma das principais razões que levam uma empresa a realizar obras é para desenvolver.

Aumento do espaço ou até mesmo abertura de filiais. Todavia, obras comerciais e corporativas precisam ser feitas com cautela, pois podem prejudicar o financeiro da empresa.

Por conta disso, mesmo que os motivos que o levam a realizar uma obra corporativa sejam justos, cuidado.

Elabore primeiro uma análise financeira completa da sua empresa.

Fazendo isso, será possível descobrir se está no momento certo para sua empresa realizar uma reforma ou obra corporativa.

Essas construções geralmente são de grande porte, e exigem uma conduta bem rígida.

O que seria essa conduta rígida?

A rigidez não é com os funcionários ou equipe envolvida na obra, mas sim com a parte financeira.

Organize um orçamento e busque segui-lo à risca, evite gastos desnecessários e também evite atrasos.

Mesmo sendo comum, atrasar uma obra é uma dor de cabeça. Além do estresse, gera despesas e alterações no projeto.

Acima explicamos o motivo que leva a atrasos, e mesmo não sendo uma tragédia, dificultam muito a obra.

Mas sobre o porquê de realizar uma obra corporativa: os motivos variam. Todavia, se sua empresa está em boas condições e deseja crescer, essa é uma excelente maneira de realizar isso.


Porque contratar uma empreiteira para uma obra corporativa

Uma das formas de realizar uma obra corporativa é com o suporte de uma empresa de arquitetura e engenharia ou empreiteira.

Geralmente, empresas desse ramo já estão habituadas com esse tipo de obra.

A melhor maneira de enfrentar os obstáculos que uma obra ocasiona é através do auxílio de mentes especializadas naquilo.

Por conta disso, no momento que for elaborar um plano para realizar uma obra corporativa pesquise empresas que prestam o serviço.

Além disso, pesquise se o serviço oferecido por essas empresas é feito com qualidade e responsabilidade. Isso vai proporcionar maior conforto e estabilidade para a obra, além de evitar gastos desnecessários.

Empresas especializadas nesse tipo de obra são responsáveis possuem em suas cartelas de funcionários especialistas em arquitetura, em engenharia, pedreiros, pintores, encanadores, eletricistas, e claro, gesseiros profissionais.

Nada mais chato que contratar profissionais que não possuem experiência. A obra atrasa, gera mais gastos, os engenheiros cometem erros de cálculo e tudo acaba saindo errado.

E isso ainda gera problemas no futuro. Por isso, contrate escritórios que sejam especialistas nesse tipo de serviço que prezem a qualidade, prazo, que sejam muitos responsáveis e com bons profissionais para dessa forma realizar sua obra com clareza e sucesso.

Melhorias com uma obra corporativa

Obras corporativas
Obras corporativas

Uma obra corporativa pode ser o pontapé inicial para grandes melhorias na sua empresa

O espaço interno de uma empresa é a parte mais importante, certo?

Por isso, é preciso entender o que o local precisa, e o que mais faz falta ali. Se é preciso colocar novas janelas ou novas portas, é preciso melhorar o teto ou o piso. Além disso, busque espaços que integrem os funcionários.

Obras corporativas funcionam como uma mão a mais na empresa. A partir da melhoria do espaço é possível oferecer serviços melhores.

Se sua empresa é especializada em vendas, busque na sua obra colocar um espaço para armazenamento das peças.

Se é especializada em TI, se adeque às necessidades do ramo, e caso precise de espaços para colocar servidores, faça-o.

Antes de traçar o caminho, imagine o destino final

Isso vai ser muito importante para melhorar a empresa.

Caso seja uma nova filial, busque inovar na obra, e também criar um ambiente que abrace não só os clientes, mas os funcionários.

A empresa é como o segundo lar para muitos funcionários. Por conta disso, lembre deles na hora de estabelecer o plano de construção.

Além disso, lembre-se também dos clientes, que precisam de um local funcional para se sentirem bem. O Escritório de Arquitetura e Engenharia Zamecki é especialista em obras corporativas há mais de 10 anos. Entre em contato agora e receba um orçamento.


76 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo